Olá, hoje falo sobre um tema muito valioso para a sua carreira ou empresa! E começo por questioná-lo(a) se por algum momento, se deparou com estas dúvidas:

 

  • Mas porque é que aquela tarefa não foi feita?
  • Mas porque é que aquela meta nunca foi atingida?
  • Mas porque é que ninguém atingiu aquele objetivo?

 

Eu acredito que estas dúvidas e outras tantas parecidas com estas, façam parte do nosso quotidiano laboral. Se analisarmos em pormenor, todos nós temos metas que se desmontam em objetivos, que são importantes atingir. Sem objetivos as empresas ficam estagnadas, não evoluem, não acompanham a modernidade nem tão pouco a concorrência.

Diariamente, os profissionais e as organizações lutam para serem bem sucedidos, contudo, assistimos a vários casos de insucesso. E porquê?

 

Para responder-lhe a isto, é necessário analisar o que está na base de qualquer resultado de sucesso. Assim, coloco-lhe a seguinte questão:

 

Você sabe o que é um objetivo?

 

Quando eu coloco esta questão aos meus clientes de coaching, que querem alcançar mais sucesso nas suas vidas e têm encontrado muitos bloqueios, a primeira reação é olharem para mim e dizerem, claro que sei! E, a segunda reação, quando começam a explicar-me, é demonstrarem bastantes dúvidas, quanto à sua certeza inicial.

 

Na verdade, para conseguirmos atingir o sucesso, tudo tem de estar contabilizado e planeado para a sua execução, mas, se não estiver bem definido…..Sabemos que à partida, já começou mal e as perspetivas de sucesso vão ficar muito abaladas.

 

Sendo assim, vamos rever o conceito de objetivo, mas não o generalista. Vamos rever o conceito, do tipo de objetivo, de sucesso. Aquele que precisa para Si ou para a sua empresa. Apresento-lhe os Objetivos S.M.A.R.T.

Este conceito smart, é bastante usado em gestão empresarial, mas pode também ser aplicado enquanto ferramenta de coaching, provocando maior awareness (consciência) na sua vida pessoal, na sua carreira profissional e na sua empresa.

 

De forma muito clara, cada sigla, representa as características que cada objetivo de sucesso deve apresentar. Nem mais nem menos. Aliás lanço-lhe o desafio, para que comprove por si mesmo(a), aplique este conceito smart e partilhe o seu sucesso comigo 😉

 

Assim, faça sempre estas 5 questões. Este objetivo é no seu conjunto S(específico), M(mensurável),  A(atingível), R(realista) e T(temporizável)?

 

Se por algum motivo, algumas destas características não estiver satisfeita, por favor, volte a analisar e a refazer o seu objetivo. Pois qualquer tempo que gaste neste momento, é tempo ganho em todo o processo seguinte de planeamento e ação rumo ao sucesso 😉

 

Descrevo agora, mais em pormenor (definição, exploração e solução) cada uma destas 5 características, tendo em conta um cenário hipotético-real:

OBJETIVO da direção: A minha empresa precisa de aumentar as vendas em 30% no próximo ano.

 

  1. S: (Specific) ESPECÍFICO:

 

  • Definição: Ser específico, significa ser focado, ser claro, ser simples e logo mais fácil de ser atingido. Ao ser bastante específico, um objetivo deixa de ser dúbio e passa a ser bastante concreto e percetível de igual forma para todos os stakeholders (intervenientes).

 

  • Exploração: Olhando para o objetivo da direção, seria fantástico, um incremento nas vendas. Mas, neste ponto, temos de perceber, se este objetivo, vai ser entendido da mesma forma por todos. Será que ele é específico? Vamos ver como alguns departamentos o podem interpretar:
  • Para o departamento comercial: “Precisamos de subir os preços”;
  • Para o departamento de RH: “Precisamos de fazer mais formações”;
  • Para o departamento financeiro: “Precisamos de mudar de fornecedores”.

Ora, chegamos até aqui, e face a este cenário hipotético-real, faço a questão: Afinal, qual é o departamento que tem razão e acertou na ideia de base do objetivo?

Não sabemos, aquilo que sabemos é que se alguém tem dúvidas, este objetivo não é especifico o suficiente.

 

  • Solução:Quando se deparar, com uma situação semelhante, reparta esse objetivo em vários sub-objetivos.

Por exemplo, neste caso específico, comunicando com todos os intervenientes, poderia-se definir como 3 sub-objetivos, as 3 soluções encontradas pelos departamentos comercial, rh e financeiro.

 

  1. M: (Measurable) MENSURÁVEL:

 

  • Definição:Ao ser mensurável, um objetivo assume um caráter quantificável, quer sejam medições quantitativa ou qualitativas. Assim, um objetivo deve poder ser medido, no sentido de se poder avaliar o seu progresso.

 

  • Exploração: Para o objetivo principal, a direção foi bastante clara, a empresa precisaria de aumentar em 30% as vendas no próximo ano. Não ficou dúvidas quanto a isto. E isso, deve-se ao fato de se ter quantificado o objetivo.

 

  • Solução:Se o seu objetivo não estiver quantificado, é importante que o faça. De certeza que se olhar melhor para o mesmo, irá encontrar forma de o quantificar. Pode ser em moeda, em pesos, em dimensões, em grau de intensidade, etc . Poderá usar, por exemplo, uma escala de satisfação (nada satisfeito até totalmente satisfeito), se for um objetivo mais qualitativo.

 

  1. A: (Attainable) ATINGÍVEL:

 

  • Definição: Tal como o nome indica, um objetivo deve conseguir atingir o seu propósito.

 

  • Exploração: De acordo com o objetivo inicial, a empresa poderá atingir um aumento de 30% nas suas vendas, principalmente se para tal, todas as outras características estiverem a ser satisfeitas!

 

  • Solução: Se o objetivo traçado foi assente em princípios realistas, específicos, passíveis de serem medidos e temporizáveis, é relativamente fácil, perceber se estamos no bom caminho da definição do nosso objetivo de sucesso e se este objetivo poderá ser ou não atingível.

 

  1. R: (Realistic) REALISTA:

 

  • Definição: Os objetivos devem ser desafiadores e por isso motivadores mas também realistas. É realista quando apesar do desafio, a pessoa, as equipas ou a organização como um todo, ao se decidir executar um objetivo, este for possível de ser alcançado.

 

  • Exploração: No objetivo inicial, apesar de poder ser desafiante, se todas as outras características estiverem presentes, poderá ser um objetivo realista e atingível.

 

  • Solução: Sonhar é importante, pois desta forma, conseguimos, mudar o rumo dos nossos objetivos em direção a esse sonho. E todos sabemos que quando sonhamos, acreditamos e investimos, alguns sonhos se tornam realidade e não fruto do acaso. Contudo, é importante percebermos que os sonhos são construídos por objetivos e metas. Assim, continue a sonhar, mas para cada objetivo, defina-o como algo desafiante mas realista para ser atingível.

 

 

  1. T: (Time-bound) TEMPORIZÁVEL:

 

  • Definição:Os objetivos devem ser definidos em termos de duração. Definir um prazo, um cronograma para as tarefas que os objetivos precisam, vão auxiliar grandemente a prossecução do mesmo.

 

  • Exploração: No exemplo, a direção definiu um prazo de 1 ano. Contudo este prazo, deveria ser mais específico. Seria, para todos os intervenientes, mais evidente, se fosse esclarecida qual a data de início e fim para esse objetivo. Desta forma, saber exatamente os limites, vai permitir que o plano de ação decorra de forma adequada e os objetivos conseguidos a tempo e horas.

 

  • Solução: Não sinta vergonha ou receio de definir datas, dias e horas, para cada tarefa. Apesar de ser algo que a maioria das pessoas resiste por não estar habituada, é um excelente hábito e o início de uma boa gestão do tempo e de agenda.

 

 

Agora, fazendo uma autoanálise, coloque a si próprio(a) as seguintes questões:

 

Estarei eu a dar a devida atenção aos meus objetivos?

Estarei eu a usar sem exceção todas as características SMART?

Posso agora perceber melhor o porquê de ter tido alguns bloqueios?

Posso continuar a acreditar nos meus sonhos, pois passo-a-passo eu estarei mais perto de os alcançar?

 

 

Agora é tempo de foco, de acreditar em si e de ação. Mas uma ação bem direcionada, rumo ao seu sucesso e ao da sua organização.

 

Estarei ao dispor, para o(a) ajudar, caso tenha dificuldades.

 

Beijinhos e votos de bons objetivos 😉

 

Liliana Silva – Psicóloga e Coach